Lançamento do eBook Guia Intercâmbio em Dublin

Cristiane Magalhães, Autora do eBook intercâmbio em Dublin fala sobre o lançamento e da dicas.

eBook Guia Intercâmbio em Dublin por Cristiane Magalhães de Almeida
eBook Guia Intercâmbio em Dublin por Cristiane Magalhães

Agradeço muito ao pessoal do site Canal do Intercâmbio pela oportunidade em escrever um pouco sobre minha experiência em Dublin. Bacana demais compartilha com vocês um pouco da minha vida em terras irlandesas. Parabéns a todos do Canal do Intercâmbio pelo belo trabalho perante o site.

Para todos aqueles que desejam um dia viver em Dublin, desejo, desde já, para todos intercambistas, uma enorme sorte em Dublin. Absolutamente, vocês estão fazendo a melhor escolha da vida de vocês. Fazer intercâmbio em Dublin pode parecer um sonho, mas na realidade é muito mais que isso. É uma experiência e tanto!

Morar em um país estrangeiro com língua e costumes diferentes do seu pode ser um choque no começo.

Cristiane Magalhães - Autora do eBook: Intercâmbio em Dublin
Cristiane Magalhães – Autora do eBook: Intercâmbio em Dublin

Sou Cristiane Magalhães, casada e nasci em São Paulo e sou graduada em Jornalismo pela Faculdades  ESSEI de Curitiba/PR, tive minha primeira experiência internacional em 1995 quando fui fazer intercâmbio estudantil em Madri, na Espanha. Lá estudei e trabalhei durante 3 anos.

Em fevereiro de 2009 fui novamente para a Europa. Dessa vez, meu objetivo era aprender inglês. A cidade escolhida foi Dublin, capital Irlandesa. Durante os 3 últimos anos estudei, trabalhei e viajei muito.

Em fevereiro desse ano (2012) voltei para o Brasil e senti a necessidade de compartilhar todo o meu conhecimento sobre minha vivência em Dublin. Qualquer estudante estrangeiro em Dublin sente que falta algo e, quero compartilhar da melhor maneira possível meu conhecimento e dicas úteis e práticas. Isso porque vi muitas pessoas passarem por dificuldades simplesmente por falta de informação.

Visando contribuir para que essa transição seja o menos traumática possível, resolvi colocar todas as informações sobre o tema e, que julgo pertinente, tudo em um só lugar. Escrevi e criei um guia, o eBook Guia Intercâmbio em Dublin.

São 44 páginas de muita informação.

eBook Guia Intercâmbio em Dublin
eBook Guia Intercâmbio em Dublin

 

Neste eBook consta dicas e praticidade para o seu dia a dia em Dublin:

  • Onde fazer a documentação necessária para ficar em Dublin;
  • Onde morar;
  • Onde trabalhar;
  • Como fugir das armadilhas dos LandLords;
  • Quando são as promoções da lojas de Dublin;
  • Uma lista das escolas de Dublin regularizadas pelo Governo da Irlanda;
  • Quais as Escolas afiliadas a Acels;
  • Como fazer o PPS Number, P45 e P60;
  • Como abrir conta no Banco;
  • Tudo sobre a Imigração e o GNIB Card;
  • Tudo sobre os transportes públicos de Dublin (LUAS, Bikes, Bus e Taxis);
  • As leis sobre o emprego;
  • Onde fazer cursos de inglês grátis;
  • Festas brasileiras;
  • Comidas brasileiras;
  • Shows;
  • Festas tradicionais da Irlanda;
  • Grupos de brasileiros espalhados por Dublin;
  • Onde comprar passagens aéreas baratas;
  • Quais países visitar primeiro;
  • O que fazer quando partir de Dublin de volta para o Brasil

O primeiro mês é o mais complicado. Dúvidas como: o que fazer primeiro, documentação, onde morar, onde comprar, como trabalhar, etc… nos acompanham a todo momento. Isso pode ser pior se o estudante ainda não tem um nível de inglês razoável e uma reserva de dinheiro apertada. Eu, por exemplo, perdi dinheiro em algumas situações por falta de informação. Aluguei uma vaga para morar em uma localização péssima e com valor do aluguel alto. Perdi o valor do depósito porque não encontrei ninguém que quisesse ficar no meu lugar (em geral,  para alugar uma vaga é exigido um depósito de garantia que você retira quando deixa a vaga, desde que repasse a mesma para outra pessoa, porque dificilmente os proprietários devolvem este valor depositado). Ou ainda, comprei roupas de inverno no começo de Dezembro, e logo depois descobri  que a partir do dia 26 de Dezembro, todas as lojas entram em promoção (tudo de 50 a 85% de desconto). Por causa de 15 dias, deixei de economizar pelo menos 50% no valor que eu gastei.

Fui para Dublin fazer intercâmbio em 2009. Durante 3 anos trabalhei e estudei inglês na capital Irlandesa, além de aproveitar para viajar muito pela Europa. Conheci mais de 40 cidades por todo o mundo, um total de 18 países. O balanço final, não poderia ser mais positivo. O enriquecimento cultural, profissional e pessoal é inquestionável. Esse país ficou no meu coração.

Espero, dessa forma, contribuir um pouco para facilitar o difícil processo de adaptação de brasileiros que vão morar em um país estrangeiro pela primeira vez. Caso tenha dúvidas, críticas ou sugestões, não hesitem em me escrever.

Gostou do eBook? Gostaria de conhecer mais sobre Dublin? Tem interesse em adquiri-lo?

Garanta agora mesmo o seu exemplar você não vai ficar de fora dessa né verdade? Entre em contato com a Cristiane através dos links abaixo e solicite o seu E-book.

Página de fãs: http://facebook.com/IntercambioEmDublin
Perfil no Facebook: Cristiane Intercâmbio Dublin

Comentários

    • Olá Sabrina,
      Pedimos desculpas pelo imprevistos na questão do site. Entramos em contato com a Cristiane e segundo ela descontinuou o site mas ainda permanece nas redes sociais.
      Caso ainda tenha interesse pode encontra-lá através dos links aqui na matéria atualizada.
      Obrigado pela contato.
      Grande abraço

  1. Olá meninas, Maria e Cristiane, muito legal publicar este e-book contando a experiêcnia de estudar e trabalhar em Dublin. Achei legal por que não é muito comum. O pessoal esta mais ligado em Londres ou Estados Unidos, no que se refere ao Inglês, e pouco se fala da Irlanda ou Escócia.
    Parabéns pelo trabalho!!!

    • Olá Ana, tudo bem!?
      Que bom que gostou da matéria publicada em nosso Canal. Certamente a bagagem que a nossa amiga intercambista Cristiane Magalhães, possui sem dúvida é uma conquista. Realmente em relação os outros destinos eles são bem mais procurados que Irlanda ou Escócia. Mas com trabalhos iguais ao da Cristiane a cultural de outros países passam a ser estudadas e compartilhadas para outros pessoas que possui interesse em conhecer.
      Obrigado pelo seu comentário volte sempre! 😉

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.