Nunca é tarde para aprender, diz Luis, aluno da SEDA de 68 anos

Entrevista realizada pela SEDA News, atrás Luiz Fernando Salazar e sua amiga Maria da Graça Barsanti Camargo ambos vieram do Brasil para aprender Inglês na Irlanda.

Luiz Fernando Salazar e Maria da Graça Barsanti Camargo
Luiz Fernando Salazar e Maria da Graça Barsanti Camargo

Luiz Fernando Salazar (68) e sua amiga Maria da Graça Barsanti Camargo (62) vieram do Brasil para a Irlanda aprender Inglês. Luiz é um engenheiro aposentado e a viagem para Dublin foi sua primeira viagem ao exterior em muito tempo. Ele falou para o SEDA News sobre sua experiencia e o prazer de estudar com colegas de classe mais novos que ele.

Fale um pouco sobre você. O que você faz no Brasil?

Eu sou de São Paulo e sou um engenheiro. Sou graduado em engenharia mecânica, mas eu trabalhei em empresas de seguros durante toda minha vida. No momento estou aposentado, mas eu continuo fazendo trabalhos para uma grande empresa internacional. Meu trabalho é visitar os navios que atracam em Santos, um grande porto em São Paulo, e examinar a máquina que foi danificada em alto mar. Eu tenho um filho que também é engenheiro e uma filha que é advogada. Ela trabalha para o maior banco no Brasil.

Por que você precisa aprender Inglês?

Eu preciso falar inglês para poder me comunicar com a tripulação dos navios que eu visito. Eu aprendi inglês sozinho no Brasil e eu tenho um vocabulário vasto porque eu leio livros em inglês desde que eu era adolescente. Mas eu tenho muita dificuldade para falar. Este é o motivo pelo qual eu decidi vir para a Irlanda.

O que você acha do seu curso na SEDA?

Eu fiquei bem feliz com o curso e foi um prazer ter a compania das pessoas mais jovens. Para uma pessoa mais velha como eu é muito bom sentar em uma sala de aula com pessoas jovens e ouví-las falando sobre os seus problemas do dia a dia e descobrir o que eles pensam sobre várias coisas. Foi muito interessante. A partir de agora eu tenho intenção em fazer mais viagens para outros lugares. A última vez que eu viajei para o exterior foi 19 anos atrás.

Como sua família reagiu quando você falou que iria viajar para aprender Inglês?

Quando eu falei para minha filha que eu estava indo para a Irlanda aprender inglês, ela não acreditou em mim. Ela disse: Eu só vou acreditar quando você realmente estiver lá. Ela duvidou porque eu já não viajava há muito tempo. Eu costumava estar no meu sofá assistindo televisão todo o tempo. Eu raramente saia de casa, então minha família achou difícil acreditar que eu estava falando sério sobre ir para a Irlanda.

O que você fazia fora da sala de aula?

Todo final de semana eu visitava algum lugar diferente na Irlanda e na Europa. Eu fui para a França e Inglaterra, visitei Londres. Desde que eu era adolescente meu sonho era visitar o Museu Britânico (British Museum) e eu estou muito feliz porque finalmente eu consegui isso.

O que você acha sobre a Irlanda?

Eu amei a Irlanda! Eu sinto que os irlandeses são muito mais gentis e atenciosos que os Ingleses. Os ingleses são muito reservados. Eu também fiquei surpreso com a boa vontade que os irlandeses tem em ajudar os estrangeiros.

Quais são os seus planos para o futuro?

Eu quero continuar melhorando o meu inglês, mas eu gostaria de visitar outro país – talvez Inglaterra ou EUA. Já tem mais de 19 anos desde que eu fui nos Estados Unidos. Eu quero ir em Nova York e San Francisco outra vez. Eu conheço uma escola de idiomas em San Francisco e estou planejando passar um mês lá. Nunca é tarde para aprender.

 

Entrevista feita por Viktor Posudnevsky

Visite o site: http://www.seda.ie/

Comentários

  1. É inedito para mim, e achei interessante para melhor entender outras culturas, sei o básico de lingua inglesa e atualmente estudo lingua japonesa

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.