Mudando de país, de fase a fase!

Quando você pensa em mudar de país, tem tanta coisa para programar que as vezes dá vontade de desistir da ideia.

Mudando de país, de fase a fase!
Mudando de país, de fase a fase!

Quando você se muda, existem 5 fases e cada fase é cheia de desafios e emoções.Veja abaixo cada fase de uma mudança:

Fase 1: Decisão

Essa é a fase que você tem que pensar por que você quer mudar, onde você quer ir e quando.
Muitas vezes o ‘porque’ e o ‘onde’ estão ligados. Por exemplo: se você quer aprender francês você vai para Franca, depois o próximo passo é decidir a data.
É muito importante você ter um objetivo para sua viagem já que isso ajudará muito, principalmente nas horas difíceis.

Fase 2: Primeiros passos

Nesta fase você já decidiu onde, quando e porque você está indo. É a fase onde você começa a pesquisar sobre o país: moeda, clima, cidades, língua.
Você também precisa pesquisar sobre seguro de viagem, de saúde, transporte na cidade, moradia (onde morar, como alugar quarto ou casa) entre outros.

Fase 3: Mudança

Essa é a fase que você vai para o aeroporto e diz até logo para a família e amigos e a despedida é parte mais dolorosa dessa jornada.
Agora sua viagem realmente começa e você terá novos desafios como choque cultural, morar com estrangeiros, aprender a língua, aprender a cozinhar a comida no país novo e muitas outras coisas que acontecem ao longo do caminho.

Depois de algumas semanas você começa a se sentir ‘em casa’ e é aí que a nostalgia bate!
Essa e a parte mais difícil dessa fase. Como você lida com a saudade de casa e de tudo relacionado a ela: amigos, família, cachorro, o prato favorito, a praia, o sambinha de final de semana e tudo mais que faz a sua vida especial…

Além disso você também vai começar a sentir o choque cultural e para isso, existem umas coisas que você pode fazer para amenizar o sentimento de estar em um “lugar estranho” :

  1. Turismo: para começar a se sentir em casa, visite a cidade e conheça os pontos principais. Você vai se sentir em casa mesmo quando alguém perguntar sobre um local ou um caminho e você souber dar as direções.
  2. Tenha um amigo ‘nativo’ e um amigo brasileiro. Ter amigos do país faz com que você aprenda a linguá e a cultura ao mesmo tempo. Tendo um amigo brasileiro é mais fácil de compartilhar com alguém um sentimento que você está passando.
  3. Passeios e cafés: esse é o modo mais internacionalmente conhecido de desenvolver uma amizade. Um bom café gera um bom papo e ali a vida é compartilhada! Passear pela cidade não custa nada e se você estiver com alguém que conhece bem o local, além de um papo gostoso você aprende sobre a cidade também!
  4. Pensamento positivo: sempre tenha em mente um pensamento bom. Às vezes as coisas não saem como planejadas, mas veja o lado positivo e o que você pode aprender com a situação. Sempre que conversar com um cidadão do país, fale das coisas que você mais gosta ou admira no país dele. Mostre que você conhece a cultura e a respeita.
  5. Enfrente os desafios do dia a dia: às vezes as tarefas mais fáceis se tornam os maiores monstros. Um exemplo simples é, se você mora num país que você não fala a língua e precisa comprar um ticket de metrô e não consegue, como você faz? Esses desafios do dia a dia vão desaparecendo com o tempo, mas no começo é difícil mesmo se acostumar.
  6. Mantenha uma rotina: se você costuma fazer escova nos cabelos toda terça ou assiste futebol toda quarta, continue fazendo isso. Não quebre toda a sua rotina. Isso faz com que você se sinta menos ‘perdido’ assim que chega em um novo país.
  7. Crie um diário ou um blog e tente atualizá-lo de alguma maneira. Tenho um amigo que morou em Berlin por 2 anos e todo primeiro fim de semana do mês ele ia numa praça e tirava uma foto. No final do curso ele tinha 24 fotos, cada uma com uma história para contar, sempre no mesmo lugar mas de um jeito diferente. A ideia do diário (ou semanal) dele era muito legal.

Fase 4: Upgrade

A fase 4 começa quando você mora no país por pelo menos um ano. Essa é a fase que você quer melhorar de vida, morar em uma casa melhor, com menos pessoas, quer um emprego melhor. Essa fase é chamada de Upgrade.

Fase 5: Direção

Depois de alguns anos, a fase 5 – direção – começa a assombrar a sua mente! Essa é a fase onde você tem 3 opções: você fica no país onde está, muda de volta para o seu país de origem ou muda para um país novo!
Seja qual for a sua decisão, você terá sempre vantagens e desvantagens.
E seja qual for a sua decisão, tenha uma excelente experiência!

Sobre mim

Rafael dos Santos, fundador da Room in the Moon – rede social que conecta pessoas que querem mudar de cidade ou de país e autor do Livro: “Moving Abroad: One step at a time”, lançado em português, inglês, chinês e malaio. O livro explica as cinco fases que todo mundo passa quando muda para o exterior e pode ser comprado pela Amazon.com: http://amzn.to/1kcMgNo

Comentários

  1. Adorei o texto, principalmente porque já me identifiquei com algumas etapas. É bem legal ver algumas dicas para amenizar algumas dificuldades que possam surgir em cada etapa. 🙂

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.