Estudar inglês no exterior em 2019/2020

As cidades no mundo mais procuradas por brasileiros para estudar inglês nas férias

5 razões por que intercambistas não aprendem inglês
5 razões por que intercambistas não aprendem inglês

Cada vez mais os brasileiros querem viver uma experiência em outro país e conciliar a visita com o aprendizado do idioma. Conforme levantamento da IE Intercâmbio, o maior número de pessoas que passam as férias fora do Brasil, nunca tinham pisado no exterior e preferem por cursos de inglês com duração entre 1 a 2 meses e meio.

“As férias são sempre ótimos motivadores para adquirir conhecimento em um lugar diferente. A pessoa se sente muito mais confortável em investir onde o retorno não será apenas o passeio, mas a vivência internacional e a prática do idioma”, avaliou o especialista Marcelo Melo, diretor da IE.

Segundo a análise, a moeda, o câmbio, custo de vida e as oportunidades que o país proporciona aos visitantes são os motivadores para a escolha do destino. E, optaram por Toronto e Vancouver (Canadá), Nova Iork e San Francisco (EUA) e Londres (Inglaterra) como os lugares prediletos para cursar inglês em suas férias de 2018.

Destinos acessíveis

O Canadá é o mais procurado pelos brasileiros por oferecer um custo benefício acessível para quem quer fazer um intercâmbio de um a três meses. Com a variação do câmbio e a sua redução, os Estados Unidos e a Inglaterra, voltaram a ser consideradas opções por uma boa parte dos brasileiros para cursos de até 2 meses.

“Londres tem atraído pessoas que estudam direito, administração e demais áreas específicas. Outro diferencial do lugar, é que os intercambistas podem conciliar o estudo com o turismo, chegando na maioria dos países da Europa em uma ou duas horas”, explicou Marcelo.

Toronto e Vancouver (Canadá)

Toronto ainda é o primeiro lugar porque o custo benefício se torna acessível. É cosmopolita e cheia de oportunidades para estrangeiros. Vancouver, acaba sendo procurada por aqueles que desejam ficar um curto período. Tem clima agradável e mistura o ambiente da natureza com a modernidade local.

Nova Iorque e San Francisco (Estados Unidos)

Nova Iorque sempre foi a preferida dos brasileiros porque é uma referência não só em turismo, mas de carreira. Tudo quanto é profissão gira em torno dessa megalópole. Para os que buscam se estabelecer no ramo do empreendedorismo, San Francisco é o destino certo. A cidade é o polo das principais startups do mundo.

Londres (Inglaterra)

Londres é o berço do idioma e o melhor lugar para aprender inglês. A cidade é excelente em educação e agrega os interesses adicionais das pessoas de acordo com a área profissional. Além de ser bem localizada na Europa, possibilitando um turismo ainda maior ao intercambista.

O diferencial da modalidade

Cursos de inglês aliado à uma área específica. Direito, administração, setor de negócios e muitos outros. As pessoas que buscam essa modalidade possuem desde o inglês básico, intermediário ou, já são fluentes, mas nunca tiveram a oportunidade financeira e temporal de estudar fora.

Intercâmbio depois dos 30 anos

Há quem pense que fazer intercâmbio é uma oportunidade ideal apenas para pessoas mais jovens. Porém, segundo levantamento da IE Intercâmbio, houve um aumento na procura por cursos voltados à faixa etária de 35 a 45 anos. O crescimento corresponde a aproximadamente 36% no comparativo entre 2016 e 2017.

De acordo com o especialista em educação internacional e carreira, Marcelo Melo, os fatores que motivam esse crescimento é referente às exigências das empresas para que o funcionário fale em inglês. Além disso, a atual situação econômica e financeira do Brasil contribui para uma experiência fora do país.

“As pessoas nessa idade entendem que investir na imersão cultural é muito importante para a vida delas. Ou, até mesmo conseguir um reconhecimento melhor na área em que atua dentro do mercado de trabalho. Os cursos escolhidos são focados na carreira”, explicou o Marcelo.

Mais dados pelo Selo Belta

De acordo com a pesquisa realizada, neste ano, pelo Selo Belta (Associação brasileira que reúne as principais instituições atuantes nos segmentos de cursos, estágios e intercâmbios no exterior), 94% dos brasileiros têm interesse em fazer um intercâmbio.

E, desse total, 33,9% disseram preferir curso de idioma com trabalho temporário, seguido curso de idioma com 22%. Canadá, Estados Unidos, Reino Unido, Nova Zelândia e Irlanda, na sequência, figuram os destinos que mais despertaram interesse nos brasileiros, segundo a pesquisa.

Sobre a IE intercâmbio

A IE é uma das maiores redes de intercâmbio cultural do Brasil, com agências de norte a sul do país. Especialista em intercâmbio de estudo, trabalho ou universidades no exterior é uma das empresas mais reconhecidas e tradicionais do segmento. Do ensino médio aos programas universitários, a IE oferece intercâmbios para todas as idades e principais destinos no mundo. Trabalha com cursos de Idiomas, Intercâmbio de Férias Teen, High School, Intercâmbio de Estudo e Trabalho e Work Experience para mais de 50 destinos.

Acesse o site Oficial: www.ie.com.br

Redes Sociais IE intercâmbio

https://www.facebook.com/IEintercambio
https://www.instagram.com/ieintercambio/
https://twitter.com/ieintercambio
https://www.youtube.com/user/ieintercambio

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.