5 destinos incríveis e pouco visitados

Fuja do comum! Planeje sua viagem para países pouco conhecidos e amplie sua bagagem cultural

Basta termos um pouco de dinheiro na conta e tempo disponível para fazermos as malas e viajarmos ao exterior. Conhecer outros países e visitar pontos turísticos mundialmente conhecidos são dois pontos que explicam esse fascínio pelas viagens internacionais.

Após dois anos de queda, os brasileiros voltaram a visitar mais outros países em 2017. De acordo com dados da consultoria Euromonitor, o número de viagens internacionais saindo do Brasil cresceu 2% no último ano – e deve crescer mais 3% até 2022.

Entretanto, a maioria dos destinos escolhidos pelos brasileiros remete a países já tradicionais no turismo, como Estados Unidos, França, Espanha e nossos vizinhos da América do Sul, de acordo com informações do Ministério do Turismo.

Entretanto, há opções bem mais baratas e até mesmo mais bonitas e imperdíveis do que os que estamos acostumados a ver. Países da Ásia, África e do Norte e Leste da Europa escondem tesouros culturais e belas paisagens naturais.

Para inspirar o roteiro de sua próxima viagem internacional, confira uma lista com cinco destinos incríveis e ainda pouco conhecidos pelos brasileiros. Não perca tempo e faça já as suas malas:

Tailândia

A gastronomia, as festas populares, suas praias e o preço convidativo fazem da Tailândia um destino turístico bem interessante fora do circuito tradicional. O país está localizado no Sudeste Asiático e se destaca pelo calor e pelas chuvas torrenciais na região.

As Ilhas Phi Phi são os principais pontos turísticos. Primeiro porque foi palco para o filme “A Praia”, com Leonardo DiCaprio. Segundo pela visão paradisíaca que proporciona aos visitantes, principalmente em Phi Phi Leh e em Phi Phi Don.

Também é legal fazer a tabelinha entre as cidades de Ayutthaya e Bangkok, próximas uma da outra. A primeira chegou a ser a cidade mais populosa do mundo no século 18. Já a segunda é capital tailandesa e possui grandes opções de templos, lojas e restaurantes.

Croácia

Um dos países desmembrados da antiga Iugoslávia, a Croácia é independente desde 1991 e demonstra sólida economia na região. Dessa forma, tornou-se em ponto turístico seguro para pessoas que desejam conhecer o Leste Europeu.

O Parque Nacional dos Lagos Plitvice é, sem dúvida, o principal cartão-postal croata. Localizado no meio do país, registra um conjunto de cachoeiras e lagos com uma coloração turquesa bem específica. Também possui trilhas e barcos disponíveis para os visitantes.

A capital Zagreb é o centro econômico e cultural e abriga locais como a Torre de Lotršćak, a Igreja de São Marcos e Kamenita Vrata (Portão de Pedra, acesso à cidade medieval). Também tem as cidades de Dubrovnik e de Pula, com suas belas praias.

Islândia

É um dos países menos populosos do mundo, com pouco mais de 300 mil habitantes ao longo de toda a ilha – apenas três habitantes por quilômetro quadrado! Esse espaço e suas belezas naturais fazem da Islândia um ponto turístico cada vez mais importante no norte da Europa.

Reykjavík, capital islandesa, é a principal cidade turística. Lá, por exemplo, o turista pode visitar diversos locais com águas termais e fazer a Golden Circle Route, um passeio que começa na cidade e viaja por 300km em vilarejos e cidades históricas do país.

Na região Sudeste está a geleira de Vatnajökull, maior território de gelo da Europa, com mais de 8,1 mil quilômetros quadrados. Outro ponto interessante é o Parque Nacional Thingvellir, conhecida por abrigar grandes falhas geológicas.

Finlândia

Os excelentes indicadores sociais, as florestas que cobrem 75% de seu território e os 180 mil lagos fazem da Finlândia um destino único para quem deseja fugir dos países mais buscados pelos turistas.

A porta de entrada naturalmente é na capital Helsinque. É lá que tem os melhores restaurantes, hotéis e pontos turísticos, como a Praça do Senado, a Fortaleza de Suomenlinna, a Igreja de Temppeliaujio Kirkko e o Museu Nacional da Finlândia.

Outros locais interessantes para conhecer são Tempere, famosa cidade conhecida por seus teatros e, claro, a região da Lapônia, reconhecida como lar do Papai Noel. A cidade de Rovaniemi, por exemplo, possui uma casa dedicada ao personagem.

Malta

Localizado no Mar Mediterrâneo, o país é um arquipélago formado pelas ilhas de Malta, Gozo e Comino e por pequenas ilhas desabitadas por conta da preservação ambiental. Tem apenas 316 km² de área terrestre, mas, mesmo assim, é um dos mais belos destinos turísticos da Europa.

O local consegue unir paisagens naturais, praias paradisíacas e história, com influências de gregos, romanos e árabes. A capital Valleta, por exemplo, é patrimônio mundial da humanidade e possui pontos turísticos incríveis como o Palácio do Grão-Mestre e a co-catedral de São João.

Além disso, vale uma passada em Marsaxlokk, cartão-postal do país com seus barcos coloridos e dezenas de restaurantes de frutos do mar, e também em Blue Lagoon na Ilha de Comino, com sua água azul-turquesa.

Viagem exige preparação e planejamento

Conhecer destinos pouco visitados é incrível, mas essas viagens exigem mais planejamento e preparação por parte do turista. Normalmente são países com cultura, idioma e hábitos bem diferentes dos nossos – qualquer problema pode trazer grandes consequências.

Portanto, pesquise bastante, informe-se sobre toda a documentação necessária para viajar no local escolhido, o tipo de gastronomia, clima e até mesmo o endereço da Embaixada Brasileira. São detalhes que podem fazer a diferença.

Sobre Fidelity Translations
Fidelity Translations é hoje a maior empresa de tradução da América Latina, sinônimo de liderança, baseada na credibilidade conquistada ao longo de décadas de serviços diferenciados, dentro dos mais rigorosos padrões internacionais de qualidade.

Redes Sociais
https://twitter.com/FidelityT
https://pt-br.facebook.com/fidelitytranslations
https://plus.google.com/u/0/+FidelityBr/

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.