O que é preciso saber para estudar nos Estados Unidos?

Confira orientações importantes da Full Sail University sobre o processo de admissão das instituições americanas

Curso Art Design na Flórida Experience Center - São Paulo
Curso Art Design na Flórida Experience Center – São Paulo

São Paulo, julho de 2016 – Fazer uma graduação nos Estados Unidos é o sonho de muitos jovens brasileiros que estão deixando o Ensino Médio. No entanto, o caminho até a concretização deste sonho é, muitas vezes, burocrático e envolve uma série de dúvidas. Para apoiar os brasileiros que vivem este importante momento de decisão, a Full Sail University dá algumas orientações práticas sobre o caminho das pedras deste processo. A instituição americana, focada na indústria do entretenimento, acaba de inaugurar em São Paulo o seu primeiro Experience Center, voltado à captação de alunos brasileiros.

Confira abaixo algumas orientações importantes para quem está pensando em estudar nos Estados Unidos.

1. Critérios

A seleção para ingressar em universidades no exterior é muito diferente do vestibular brasileiro. As instituições valorizam o perfil do aluno, juntamente com seu histórico acadêmico. “O jovem deve falar dos seus sonhos, expectativas e de que forma eles contribuem para sociedade”, orienta Marcos Tartuci, CEO da Full Sail no Brasil.

2. Prazos

Os prazos referentes aos processos de seleção variam de acordo com cada instituição, por isso, é preciso consultar de forma individual quais são as exigências da universidade de interesse. No caso da Full Sail, o processo de seleção fica aberto de forma permanente, pois todos os meses a Instituição inicia novas turmas de graduandos.

3. Formulários de inscrição

Os formulários de inscrição, em geral, solicitam dados cadastrais e informações sobre o desempenho acadêmico do candidato, incluindo notas do colégio e sua posição no ranking da turma, se houver, além de atividades extracurriculares. Na Full Sail, os candidatos também devem fornecer documentação oficial do ensino médio para determinar a equivalência com o ensino norte-americano. Qualquer documentação que não estiver em inglês deve ser acompanhada de uma tradução certificada.

4. Testes de idioma

O objetivo destes testes é demonstrar que a fluência em inglês do candidato é suficiente para estudar em uma instituição com esse idioma. As provas mais comuns são o TOEFL e o IELTS. “Para auxiliar os estudantes a se prepararem nesse sentido, temos na Full Sail o ESL – English as a Second Language, um curso de inglês para todos os níveis, que já inclui o vocabulário específico de cada área em que temos cursos”, explica o CEO brasileiro.

5. Essays

Comuns em universidades americanas, os essays são redações em que o candidato se apresenta e conta um pouco de sua trajetória pessoal. É a oportunidade de o candidato mostrar quem ele é, indo além da avaliação de notas, resultados nos testes e do currículo. O processo de seleção da Full Sail não inclui essa etapa.

6. Cartas de recomendação

Prática pouco usual no Brasil, as cartas de recomendação contribuem para evidenciar o potencial do candidato por meio da opinião dos seus professores e de outras pessoas que o conhecem bem. Também não faz parte do processo seletivo da Full Sail.

7. Entrevista

As entrevistas representam o momento em que o candidato pode reforçar as qualidades que já mostrou nas outras etapas. É importante estudar o perfil da universidade, pois na entrevista há uma avaliação da adequação do perfil do aluno à Instituição. No caso da Full Sail, as entrevistas realizadas no Experience Center, em São Paulo, são feitas em português.

8. Visto

As exigências sobre o visto também podem depender de cada instituição. No caso da Full Sail, é preciso que o candidato obtenha um visto adequado para estudo em tempo integral e que o passaporte seja reconhecido pelos Estados Unidos e válido, no mínimo, por seis meses além da estadia prevista no país. “Os alunos da Full Sail contam com um amplo apoio neste processo do visto, inclusive com revisão da documentação e preparação para a entrevista com o consulado”, lembra Marcos Tartuci.

Diferenciais do processo seletivo da Full Sail

Esclarecer todas as dúvidas dos alunos brasileiros e suas famílias foi uma das motivações para a Full Sail University instalar em São Paulo o seu primeiro Experience Center.

Voltada à formação de talentos para a indústria do entretenimento, a universidade americana tem nos brasileiros hoje a segunda maior comunidade estrangeira de estudantes em seu campus na Flórida. Com a instalação do centro de experiência em São Paulo, a Instituição se aproxima dos novos alunos em potencial e tem condições de apoiar mais de perto as famílias que estudam a possibilidade de fazer este investimento visando uma carreira promissora para seus filhos.

Conhecida por ter um processo de admissão mais descomplicado em relação a outras universidades, a Full Sail tem uma preocupação especial com o acolhimento dos estudantes. “A universidade coloca à disposição do aluno e sua família toda a estrutura do International Admission Department, um setor que oferece um apoio global ao aluno estrangeiro ingressante, desde orientações sobre documentação até moradia”, conta Marcos Tartuci, CEO da Full Sail no Brasil.

“Com a nossa instalação em São Paulo esse atendimento ao público brasileiro será ainda mais próximo e efetivo. Lá, o futuro aluno pode conhecer melhor os cursos, fazer um tour virtual pelo campus, além de saber mais sobre como é estudar e viver nos Estados Unidos. Tudo isso sem sair do Brasil”, completa o CEO.

Mais detalhes sobre o processo de admissão podem ser vistos na página da Full Sail na internet. Para agendar uma visita ou saber mais sobre o Experience Center, em São Paulo, basta acessar o site: http://www.experienciafullsail.com.br/ ou ligar para 11-3057-0806.

Sobre a Full Sail University

Full Sail University - Flórida Experience Center - São Paulo
Full Sail University – Flórida Experience Center – São Paulo

A Full Sail University, inaugurada em 1979, é reconhecida como uma das mais importantes universidades do mundo na oferta de cursos de nível superior no segmento da indústria criativa. Instalada em uma área de mais de 84 hectares na Flórida, Estados Unidos, seu campus possui mais de 60 salas de aula e 110 estúdios e laboratórios.

Entre programas presenciais e online de mestrado, bacharelado, certificados e pós-graduação, os mais de 70 cursos oferecidos pela universidade abrangem oito áreas: Arte e Design, Mídia e Comunicação, Cinema e Televisão, Internet e Tecnologia, Gravação e Música, Gestão e Negócios, Games e Esportes. Com uma abordagem educacional inovadora, a metodologia da Full Sail University prepara o aluno para o mercado de trabalho desde o primeiro momento, favorecendo assim o início de uma carreira de sucesso no ramo do entretenimento.

Hoje com 16 mil alunos, vindos de mais de 73 países, a Instituição é um verdadeiro celeiro de talentos para a indústria do entretenimento, tendo já formado profissionais cujos projetos foram reconhecidos nas principais premiações deste segmento, como Grammy, Oscar, entre outros.

Em 2016, a Full Sail University inaugurou no Brasil o International Experience Center, instalado em São Paulo, um espaço onde os futuros alunos e suas famílias poderão conhecer de perto a experiência de estudar neste campus universitário diferenciado que, além de oferecer uma formação de alta qualidade, ainda propicia uma singular vivência multicultural fora do país.

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.