Sonha em fazer graduação ou pós fora do país? Conheça a Universidade Oxford!

A Universidade de Oxford é uma ótima opção para quem deseja estudar fora do país. Confira como funciona o processo de admissão e conheça alguns dos programas de bolsas mais famosos..

Situada no condado de Oxfordshire, na charmosa Inglaterra, a Universidade de Oxford é uma das instituições de ensino mais velhas do mundo, fundada em 1090, e foi a primeira universidade de língua inglesa.

Formando figuras célebres como Stephen Hawking, John Wesley, Emma Watson e Malala Yousafzai, a Universidade de Oxford consagra o 1° lugar no World University Rankings 2021, feito pela Times Higher Education, como a melhor instituição de ensino superior do mundo

Faculdade, Oxford, Oxford College, Universidade
Imagem: Pixabay

Outra questão de destaque para a universidade foi a atuação rápida e eficiente na pesquisa e desenvolvimento da vacina contra a COVID-19, que já foi distribuída em todo o mundo e tem auxiliado no combate à pandemia.

Contando com mais de 38 faculdades, a universidade britânica oferece mais de 250 cursos de graduação e mais de 300 programas de pós-graduação, atraindo milhares de novos estudantes todos os anos, inclusive estrangeiros, visto que 43% dos alunos matriculados são internacionais.

Diante disso, a Universidade de Oxford oferece riquíssimas oportunidades para pessoas que desejam ter a experiência de estudar em uma das instituições mais consagradas do planeta e, “de quebra”, morar em outro país, mergulhar em uma cultura diferente e conhecer pessoas do mundo todo. 

Leia também: Conheça quais são as 10 melhores universidades do mundo

Como funciona o processo de aplicação para uma das universidades mais antigas do mundo?

O processo de aplicação para a Universidade de Oxford é semelhante ao procedimento realizado em algumas instituições dos Estados Unidos, como a Universidade Harvard, ou da própria Europa, como a Universidade de Cambridge. 

Na prática, por estar situada na Inglaterra e todos os cursos serem ministrados em inglês, o estudante precisa apresentar um certificado de proficiência no idioma, como o IELTS Acadêmico, TOEFL, Cambridge Certificate of Advanced English (CAE) ou Cambridge Certificate of Proficiency in English (CPE).

Além disso, o candidato deve fornecer a famosa carta de motivação, em que expressa as razões pelas quais deseja estudar na universidade, resumo sobre as qualificações e diferenciais que possui para o curso em questão, assim como os objetivos que quer atingir por meio da formação.

Outros documentos que devem ser enviados juntos com a inscrição no programa são:

  • Cartas de recomendação de professores ou orientadores;
  • Testes de aptidões específicos;
  • Histórico escolar (para cursos de graduação) ou acadêmico (para cursos de pós-graduação); 
  • Nota do Enem.

O processo de aplicação também pode contar com uma fase presencial, marcada por uma conversa (entrevista) com um responsável da universidade ou uma banca, em que eles investigam um pouco mais sobre o seu perfil e características, tanto socioemocionais, quanto profissionais. 

Imagem: Giphy

Quanto custa estudar na Universidade de Oxford?

Estudar na terra da rainha parece um sonho, né? Porém, exige bastante preparação, especialmente no que diz respeito aos custos envolvidos.

O valor total para estudar na Universidade de Oxford depende muito do curso e tipo de formação (graduação ou pós), porém, pode variar entre £24.000 e £36.000 por ano.

Durante o planejamento, é preciso levar em consideração que a moeda local é a Libra Esterlina, um pouco mais valorizada em relação ao Real. 

Como também, você pode ter gastos adicionais, como as passagens aéreas e a acomodação (a cidade de Oxford possui uma infinidade de residências estudantis que podem ser alugadas por valores bem interessantes).

Você pode se interessar: Intercâmbio na Inglaterra: Tudo que você precisa saber antes de visitar

É possível conseguir bolsa para estudar na Universidade de Oxford?

Oxford, Radcliffe Library, Library, Arquitetura
Imagem: Pixabay

Se quando eu falei dos valores você ficou um pouco preocupado, tenho uma notícia que pode te animar: todos os anos, a Universidade de Oxford oferece dezenas de bolsas de estudos parciais e totais para alunos estrangeiros. 

Dentre elas, destaca-se a Reach Oxford Scholarships, que fornece algumas bolsas integrais para candidatos aceitos em grande parte dos cursos de graduação da universidade. Para consultar a lista, acesse aqui

Esse programa chama atenção por cobrir não apenas os custos do curso do aluno, mas também de deslocamento do país de origem à Inglaterra (passagem aérea) e fornecer ajuda de custo para o estudante se manter durante a formação acadêmica. 

Para alunos de pós-graduação, há o programa Clarendon Fund (em que é oferecido auxílio financeiro a alunos com boa performance acadêmica) e Rhodes, assim como a Oxford-Weidenfeld and Hoffman Scholarships e Pershing Square Foundation

As datas de inscrição e admissão de cada tipo de bolsa são distintas. Por isso, o ideal é ficar atento à formação desejada e já planejar os documentos necessários (especialmente os certificados de proficiência no idioma).

Eai, gostou de conhecer um pouco sobre a Universidade de Oxford? Ficou com vontade de estudar por lá? (Confesso que estou um pouquito apaixonada!)