Work and Travel: O que é e como funciona?

Já pensou ter a oportunidade de trabalhar nos Estados Unidos durante suas férias da facul? Então conheça o programa Work and Travel!

Work and Travel: O que é e como funciona?
Work and Travel: O que é e como funciona?

Então, essa é justamente a ideia do Work and Travel, um programa de trabalho remunerado na Terra do Tio Sam, destinado a jovens universitários, entre 18 e 28 anos, que tenham o conhecimento, de preferência a nível avançado, do inglês. Para esse programa você vai precisar do visto J-1, concedido por meio do documento DS-2019.

Eu não tive a chance de realizá-lo. Optei por outro tipo de intercâmbio, mas conheço muita gente que embarcou nessa aventura e amou a experiência! Ah se eu fosse mais nova e pudesse fazê-lo… Mas tudo bem, vou incentivar meus [futuros] filhos a irem. Com certeza.

Duração do Work and Travel:

Curtiu a ideia, mas não quer trancar a faculdade para encarar um intercâmbio porque acha importante terminar seus estudos primeiro? Está certíssimo! Parabéns! Porém o legal desse programa é que dá para conciliar tudo! Como a duração do Work and Travel é de 3 a 4 meses e, normalmente, ocorre durante as férias de verão, mais ou menos de 15 de novembro a 15 de março, você pode relaxar e aproveitar – quer dizer, aproveitar e trabalhar… Muito! Depois é só voltar pra casa e retomar a rotina dos estudos na universidade. Se quiser (e puder) você ainda tem direito a mais 30 dias para turismo! Quer coisa melhor?!

Benefícios do programa Work and Travel:

Se não bastasse você estar vivenciando uma cultura diferente e deixando seu inglês afiadíssimo, o Work and Travel é uma boa porque é uma forma de ajudar a custear o sonho do intercâmbio, já que você terá uma remuneração (média de US$6,75 a US$11,25/hora). E nem precisa mencionar que seu currículo será enriquecido com uma experiência profissional internacional, não é mesmo?!

Geralmente as vagas oferecidas no programa são na área de turismo, entretenimento e lazer: em parques de diversão, hotéis, resorts, estações de ski etc.. A remuneração varia de acordo com a posição ocupada e programa de seleção escolhido. Contudo, a maioria dos cargos oferecidos não requer conhecimento nem treinamento específico, pois é possível trabalhar como garçom, atendente, serviços gerais, recepcionista, instrutores de esqui etc..

Carga horária:

Não existe garantia de carga horária mínima, porém a média de trabalho costuma ficar de 15 a 40 horas por semana, sendo que é possível trabalhar menos ou mais em algumas semanas. Nada que uma boa comunicação não resolva. E claro que existe também a possibilidade de horas extras, no entanto isso não é garantido e você deverá acordar com o ofertante do trabalho. Se você quiser ter mais de um trabalho também é preciso conversar com seu chefe. Mas, a grande maioria dos ofertantes de trabalho permite que isso seja feito, o que rende uma graninha a mais.

Acomodação, Transporte e Alimentação:

Nem só de trabalho se vive nesse programa. É preciso descansar. Entretanto, o custo da acomodação não está incluído e varia de acordo com o local e o tipo de acomodação que você escolher.  Aliás, é de responsabilidade do estudante providenciar sua própria acomodação e realizar o pagamento de qualquer taxa necessária antes de deixar o Brasil. Mas a grande maioria dos ofertantes do trabalho indica a hospedagem e explica os detalhes do procedimento. Normalmente, você dividirá essa acomodação com outros estudantes, o que é ótimo para novas amizades. O valor em média é de U$100 a US$150 por semana.

O custo com transporte e alimentação também não estão incluídos no programa Work and Travel e, assim como a acomodação, vão variar de acordo com o local, hábitos e necessidades de cada estudante. Mas às vezes rola descontos nos restaurantes lá no local de trabalho.

Bom, agora que você já sabe como funciona o Work and Travel, não perca mais tempo e corra atrás da oportunidade perfeita para você encarar a aventura do intercâmbio, afiar seu inglês e enriquecer o seu currículo!

Não deixei de ler:

  1. Trabalho Voluntário no Exterior
  2. Tabela de Fuso Horário Mundial
  3. Meu inglês é suficiente para o intercâmbio?

Faça seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.